Um Silêncio Sufocante

Bem dito. Quem se lembra da derradeira vítima da “asfixia democrática”, que se passeava por aquela comissão de inquérito a distribuir fotocópias, a exibir “t-shirts” e a gesticular bramindo “que não podia comprar jornais” supreende-se (ou não) com o facto de a Mário Crespo não lhe interessar minimamente o que aconteceu a Luís Calisto e ao DN Madeira. Vicissitudes de não se ser um Larry King lusitano.

Adenda: na mesma linha, onde andas tu Pacheco Pereira?

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s