Post da reentrada

Parece-me errado que Cavaco Silva não esclareça esta trapalhada das escutas antes das eleições: no caso TVI e no caso Freeport (na sua vertente de pressões de Lopes da Mota sobre os Procuradores do MP) todos nós tirámos as nossas conclusões sobre o sucedido. Neste último caso, as pontas soltas eram particularmente gritantes: Lopes da Mota tinha usado inadvertidamente o nome de Sócrates e de António Costa, mas, curiosamente, mesmo admitindo tal facto, não se demite nem é demitido. A estratégia de verdade do PSD assenta na imagem pública descredibilizada de José Sócrates, nos escândalos em que esteve envolvido e nas trapalhadas em que esteve metido. Nada a dizer: será uma boa estratégia se der bons resultados. Mas, se der bons resultados, não há-de ser às custas do silêncio de Cavaco nesta matéria. Não pode ser. Com a demissão de Fernando Lima ficámos sem perceber nada: Sócrates já tem a sua credibilidade política arrasada pelos constantes escândalos em que se envolveu pode dizer-se, mas não cabe ao Presidente da República fazer cálculos sobre as repercussões em votos que mais um escândalo em torno do primeiro-ministro acarreta ou deixa de acarretar. Não esclarecer a verdade na matéria da demissão do seu acessor  neste momento é como uma providência cautelar extemporânea: quando chegar já não serve para nada.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

3 respostas a Post da reentrada

  1. José Maria Pimentel diz:

    Respondo com uma pergunta:

    – Por que é que será que Cavaco ainda não explicou nada?

  2. mnvicente diz:

    Independentemente de quem esteja a ser favorecido com esta omissão – ps, psd, ou outro qualquer – o PR devia falar. O assunto é sério, não é um fait-divers, e tal como Cavaco mesmo disse – “o PR deve preocupar-se com questões de segurança”. Mesmo que se venha a revelar um caso sem importância, a verdade é que hoje, com a desinformação que temos em relação a ele, é importante e deve ser esclarecido.

  3. daniel jorge tecelão diz:

    Sempre que vem à colação a credibilidade de Sócrates e os vários escândalos que o têm cercado,faço um esforço de memória e tento rebobinar toda a fita.
    Há coisas mal esgalhadas que não engulo,ou então estaremos perante um primeiro ministro perfeito crápula.
    E dou comigo a pensar tambem naquilo que aconteceu ao Ferro Rodrigues,acho que a sordida máquina é a mesma que vai criando factos,que aproveitam indubitavelmente à direita esfomeada de poder!!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s