Título?

De acordo com a nova proposta de lei sobre os cibercrimes, o crime de ataques a sistemas da administração pública que asseguram funções sociais poderá vir a ser punido com uma pena até 10 anos. A oposição já criticou. A meu ver com razão: neste nosso país, as normas incriminadoras são, como diria alguém que conheço, uma espécie de “mete-se a moedinha, sai o chocolate”. Fala-se dos assaltos aos bancos, toma lá prisão preventiva “à grande e à francesa”. Fala-se das infracções na internet, tomem lá dez anos de prisão. Isto num país que pune o lenocínio de menores (art.175º Cpenal) com penas até 5 anos, ou verificadas algumas circunstâncias, com penas até 10 anos. Trata-se obviamente de uma estratégia política: o governo cansa-se de ouvir as críticas de inactividade e de inércia veiculadas pela oposição, e resolve agir. A opinião pública fica à espera e o governo faz em grande. Depois vem a oposição e diz que foi demais. Sai-se o governo com o “preso por ter cão preso por não ter”.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s