Sobre Campos Para Gordos e Diabéticos

“(…) Estas coisas, que são divertidas ao início, preocupam-me bastante quando penso melhor no assunto. Não gosto de ver miúdos gordos segregados em manadas em vez de irem para uma colónia de férias normal. Quando eu brincava no recreio da escola, todos os grupos tinham o seu badocha. Não vinha daí mal ao mundo, nem para ele nem para nós. Muitos até se tornaram porteiros de discotecas e hoje prosperam em prisão domiciliária. 

Uma daquelas pessoas que se escandalizam com futilidades, como a Maria Filomena Mónica, devia ocupar-se deste tema. As colónias de férias sempre foram lugares em que as crianças se juntam, não em que se separam. Enchê-las de miúdos gordos faz tão mal aos beliches como ao convívio democrático.”

Luís M. Jorge, in A Vida Breve

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s