Curtas

Após um advogado de defesa ter suscitado, nos EUA, a dúvida sobre a constitucionalidade da injecção letal que é normalmente ministrada aos condenados à pena de morte, renasce o debate sobre a constitucionalidade de uma pena que ataca o direito fundamental que deveria estar plasmado em todas as constituições, de todos os ordenamentos: o direito à vida. Pelos vistos, nos EUA, continua-se a procurar uma maneira constitucional de matar, e a decisão do Supreme Court parece apenas vir apoiá-la.

O PSD continua empenhado no seu processo de auto-flagelação: desta vez com uma inacreditável postura em relação a um assunto tão banal como a contratação de uma jornalista para conduzir um programa temático sobre o qual tem trabalho feito. A devassidão com que se ataca a vida do PM e a inoquidade do discurso denunciam o estado em que se econtra o principal partido da oposição neste país.

Alberto João Jardim continua em grande forma. Desta vez não permitiu a Cavaco Silva ser recebido na Assembleia Regional, somando a essa democrática e saudável decisão um carinhoso insulto à oposição parlamentar: “um bando de malucos”.

É curioso reparar na tolerância que existe para com os dislates de Jardim. Se o homem não conseguiu a independência formal, a material parece ter conseguido (naquilo que lhe interessa, obviamente), já que o PR nem sequer se importa com as facadas que este dá na Constituição quase que semanalmente. O nosso Kadafi chegou a um ponto tal de impunidade que não há nada que o tire do lugar que ocupa…

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Actualidade, Governo, Media, Polémicas, Política, Televisão. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s