Destaque para mais dois albuns portugueses recentes

         
        
Norberto Lobo – Mudar de Bina
             

Norberto Lobo é um músico lisboeta que, depois de ter colaborado com os projectos Munchen e In Her Space e ter ganho algum protagonismo ao vivo, já a solo, efectuou, neste album, a sua estreia nas lides discograficas em nome próprio.

O album Mudar de Bina, editado nos finais de 2007 pela Borland (uma das mais importantes editoras independentes do país, onde habitam nomes como Alla Pollaca, Lobster ou o consagrado projecto de Francisco Silva Old Jerusalem), insere-se numa lógica lo-fi, com uma produção muito minimalista, colocando em evidência o fabuloso som natural directamente saído da guitarra acústica de Norberto Lobo, o único instrumento aqui presente, destacando-se o seu profundo virtuosismo interpretativo e uma alma verdadeiramente notável. Em termos de conteúdo, ocorre no album uma alternância entre alguma aproximação à música folk norte-americana, em temas como “Jogo do Bicho”, e uma profunda identidade portuguesa, com destaque para a reciclagem dos temas tradicionais “Cantiga da Ceifa” e “Ó Ribeira”. É com muita frequência que nos vem à cabeça, ao ouvirmos este Mudar de Bina, o génio da guitarra portuguesa Carlos Paredes, pela sua enorme capacidade de interpretação e pelo aproveitamento de todas as potencialidades do instrumento, neste caso a guitarra acústica e não a guitarra portuguesa. Assim sendo, é sem surpresa que Norberto Lobo dedica o album a Paredes e recria um dos seus temas mais mediáticos: “Mudar de Vida”, outro dos grandes destaques do album, tal como o tema título.

Nota: Recentemente, Norberto Lobo esteve no prestigiado Festival para Gente Sentada de Santa Maria da Feira onde recebeu rasgados elogios desse grande vulto da música portuguesa da actualidade: JP Simões.     
   

           

Stockholm Lisboa Project – Sol

Os Stockholm Lisboa Project são um projecto constituído pelo sueco Simon Stalspets (mandola nórdica, harmónica e apoio vocal) e pelos portugueses Sérgio Crisóstomo (violino e apoio vocal), Luís Peixoto (bandolim, bouzouki e apoio vocal, ele que também faz parte dos Dazkarieh) e Liana (voz, tem formação em fado, tenho ganho por duas vezes a Grande Noite do Fado). Misturando as influências diversas dos seus músicos, decidiram apresentar um projecto que unisse elementos tradicionais portugueses, nomeadamente ao nível do fado, com a tradição sueca e escandinava.

Assim sendo, é nesta base que lançam em 2007 a sua estreia discográfica Sol. O album é um daqueles casos que, ao longo das várias audições que efectuei, me foi sempre cativando cada vez mais (o que é ainda mais extraordinário a partir do momento em que, no caso do fado, eu estou longe de ser um fã). É, acima de tudo, um album que, pela sua essência, tem uma originalidade tremenda, consideravelmente diferente do que vamos encontrando por aí, destacando-se naturalmente, neste contexto, os temas “Sol de Janeiro /Ombyggnan”, “Desgarrada / Toc Edits Polska” e “Fado do Ribatejo / Hokpers Vals”, em que se misturam simultâneamente, em cada uma das faixas, as realidades musicais dos dois países. Ao nível vocal, a voz de Liana, pela sua simplicidade, brilha na maior parte dos temas cantados, mostrando que não são precisos, de forma alguma, trejeitos de virtuosismo excessivo para que uma voz seja absolutamente lindíssima. Ponto alto do album: “Mentiras”, um dos temas mais maravilhosos e apaixonantes que ouvi nos últimos meses. Um tema (e um album) absolutamente a não perder.

 

(publiquei esta crítica inicialmente em http://artesanatosonororuc.blogspot.com/)

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s